terça-feira, 27 de março de 2018

Eleições 2018-2020: Resultado das Eleições do CMS-Recife Biênio 2018-2020


         A Comissão que conduziu o Processo Eleitoral que elegeu as entidades de Usuários(as), Trabalhadores(as) de Saúde, Prestadores de Serviços, privados e conveniados, e as Instituições de Pesquisa e Ensino para o biênio 2018-2020 do CMS-Recife, divulga o resultado das Eleições do Conselho Municipal de Saúde (CMS) do Recife.
         Além disso, a Comissão também divulga a convocação pública para as duas entidades do segmento Prestador de Serviço, ausentes nas eleições de 20 de março, para preenchimento das vagas disponíveis para este segmento. Agora, as entidades: Hospital Maria Lucinda e Hospital Evangélico de Pernambuco devem comparecer na sede do CMS-Recife no dia 02 de abril, às 10h, para decidirem a titularidade e suplência, conforme consta na resolução 15/2018.
        A referida listagem foi publicada em Diário Oficial do Município e pode ser conferida clicando no link abaixo, assim como a Resolução da Convocatória Pública:

         Agora, as entidades eleitas deve encaminhar o nome da pessoa que irá representar a entidade no colegiado 2018-2020 em até cinco dias úteis.


Segmento Usuário


- Entidades por RPA

Titular: Templo de Umbanda Mestre Cibamba – RPA 1
Suplente: Ponto Cultural Espaço Livre do Coque - RPA 1
Titular: Associação Defensora da Ilha do Joaneiro - RPA 2
Suplente: Urso Brilhante do Coque - RPA 2
Titular: Associação Beneficente Progredir Vidas - RPA 3
Suplente: Clube de Mães dos Moradores do Alto do Refúgio - RPA 3
Titular: Clube Carnavalesco Misto Girafa em Folia - RPA 4
Suplente: Associação Grupo de Mães da Amizade dos Torrões - RPA 4
Titular: Associação de Moradores da Mustardinha - RPA 5
Suplente: Conselho de Moradores do Jiquiá - RPA 5
Titular: União dos Moradores do Alto Asa Branca - RPA 6
Suplente: Afoxé Omó Oba Dê - RPA 6


- Entidades Gerais

Titular: Centro Brasileiro de Estudos de Saúde - CEBES
Suplente: Pastoral da Saúde Regional Nordeste 2
Titular: Centro de Ensino Popular e Assistencial Social do Recife Santa Paula Frassinetti - CEPAS
Suplente: Federação dos Círculos Operários de Pernambuco - FECOPE
Titular Central Única dos Trabalhadores - CUT
Suplente: Associação de Defesa dos Usuários de Seguros, Planos e Sistema de Saúde - ADUSEPS
Titular: GESTOS, Soropositividade, Comunicação e Gênero
Suplente: Articulação e Movimento para Travestis e Transexuais de Pernambuco - AMOTRANS
Titular: Instituto Brasileiro Pró-Cidadania
Suplente: Federação das Associações de Moradores de Núcleos de Cohab e Similares - FEMOCOHAB
Titular: Núcleo de Assistência aos Pacientes Hepáticos - NAPHE
Suplente: Sociedade Pernambucana Especializada de Defesa dos Animais e do Meio Ambiente


Segmento Trabalhador

Titular: Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Combate as Endemias do Estado de Pernambuco - SINDACS
Suplente:  Conselho Regional de Educação Física - CREF 12ª Região
Titular: Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional - CREFITO 1ª Região
Suplente: Conselho Regional de Farmácia de Pernambuco
Titular: Associação dos Profissionais de Educação Física no Estado de Pernambuco - APEF/PE
Suplente: Sindicato dos Odontologistas no Estado de Pernambuco - SOEPE
Titular: Sindicato dos Psicólogos de Pernambuco - PSICOSIND
Suplente: Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado de Pernambuco - SINDSEP/PE
Titular: Sindicato dos Enfermeiros no Estado de Pernambuco - SEEPE
Suplente: Conselho Regional de Psicologia - CRP-02
Titular: Sindicato Profissional dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem de Pernambuco –SATEN/PE
Suplente: Sindicato dos Trabalhadores Públicos Federais da Saúde e Previdência Social no Estado de Pernambuco - SINDSPREV/PE


Segmento Prestador de Serviço

Titular: Fundação Oswaldo Cruz - FioCruz
Suplente: Faculdade Pernambucana de Saúde – FPS
Titular: Hospital do Câncer de Pernambuco - SPCC
Suplente: Laboratório Louis Pasteur
Titular: A eleger
Suplente: A eleger




                 As entidades que obtiveram votos, mas não foram eleitas, compõem a segunda suplência. Caso alguma entidade eleita no processo fique impossibilitada de assumir o seu assento no colegiado do CMS, a entidade subsequente mais bem colocada assumirá a vaga disponível.

Segunda Suplência (Segmento Usuário - Entidades por RPA)

RPA 3
1 - Centro de Atendimento Lar Bem-te-vi
RPA 5
1 - Associação da Terceira Idade Vila São Miguel
2 - Troça Carnavalesca Mista Bacalhau do Beco
3 - Associação dos Moradores do Bairro de San Martin
4 - Associação Comunitária da Vila Tamandaré
RPA 6
1 - Associação dos Moradores da UR1 Ibura
2 - Igreja Evangélica Pentecostal Pescadores de Almas

Segunda Suplência (Segmento Usuário - Entidades Gerais)
1 - Confederação das Mulheres do Brasil
2 - Grupo Mulher Maravilha
3 - SARAVIDA
4 - Instituto de Desenvolvimento Social - IDS
5 - União Futebol Clube

Segunda Suplência (Segmento Trabalhador)
1 - Sindicato dos Farmacêuticos do Estado de Pernambuco – SINFARPE
2 - Conselho Regional de Enfermagem de Pernambuco – COREN/PE
3 - Associação Brasileira de Enfermagem – ABEn
4 - Conselho Regional de Serviço Social – CRESS

sexta-feira, 23 de março de 2018

GT continua as análises das ações e metas do RAG 2017


         Membros do Grupo de Trabalho (GT) que analisa o Relatório Anual de Gestão (RAG) 2017 estiveram reunidos, na manhã desta sexta-feira, 23, para continuar o debate das ações e metas que foram realizadas pela gestão no ano passado.
       Dentro os pontos vistos, estavam as Políticas do Programa Saúde Escola (PSE), Serviço de Atendimento Domiciliar (SAD), Programa Academia da Cidade (PAC), Saúde do Idoso, Saúde Bucal, Saúde Mental, SAMU e ações referentes a Diretoria Executiva de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde (DEGTES).
         O GT marcou um novo encontro para o dia 28 de março para continuar sua análise, a exemplo das Práticas Integrativas e Complementares (PIC), Programa Nacional de Imunizações (PNI), Mãe Coruja, entre outros itens.

quinta-feira, 22 de março de 2018

Eleições 2018-2020: Processo Eleitoral é finalizado


        Na manhã de terça-feira, 20, cerca de 50 delegados(as), representantes das entidades habilitadas pelos segmentos Usuário, Trabalhador e Prestador de Serviço, participaram do Processo Eleitoral que elegeu as instituições/organizações que farão parte do Conselho Municipal de Saúde (CMS) do Recife para os próximos dois anos (biênio 20818-2020). Ao todo, foram 64 entidades (23 do segmento Usuário - sendo 09 Usuário de RPA e 14 Usuário de Entidade Gerais - e 13 entidades segmento Trabalhador) que ficaram aptas para participar do Processo Eleitoral que teve início desde o mês de dezembro de 2017 com a criação da Comissão Eleitoral.
A coordenadora do CMS-Recife, Janaína Brandão, deu as boas vindas aos presentes 
           Dando as boas vindas aos delegados(as), a coordenadora do CMS-Recife, Janaína Brandão, aproveitou a oportunidade para ressaltar que o Conselho é um espaço democrático e que precisa ser fortalecido frente ao momento de fragilidade que os espaços de Controle Social vêm sofrendo. “Agradecemos a todas as instituições que atenderam ao chamado do CMS nesse processo eleitoral, pois entendemos o conselho como um órgão estruturante sendo, inclusive, um espaço de diálogo e pactuação para melhorar as políticas do SUS”, disse. Janaína também ressaltou que a participação dos(as) conselheiros(as) é de suma importância para o funcionamento do Conselho. “Precisamos cuidar desse espaço, pois é nele que a gente provoca discussões para solucionar os problemas apresentados e isso reverbera na melhoria dos serviços ofertados e nas condições de vida das pessoas. Afinal, estamos todos lutamos por uma causa só“, finaliza.
Comissão Eleitoral
            O coordenador da Comissão Eleitoral, Oscar Correia, se diz contente com o término exitoso do Processo Eleitoral. "Tudo transcorreu como planejado. Tivemos alguns entraves e momentos acalorados, mas isso era esperado, afinal, estamos falando da eleição do Conselho Municipal de Saúde do Recife", ressalta. Oscar, juntamente com os demais membros da comissão, esteve disponível para tirar todas as dúvidas e prestar todos os esclarecimentos possíveis.
          Os(as) delegados(as) foram separados pelos seus respectivos segmentos formando assembleias para discutir quem seria titular e suplente. Caso não houvesse consenso, as entidades votariam entre si, sendo eleitas as que obtivessem maior número de votos.
Segmento Usuário - Entidades Gerais
        A delegada Elivânia Santos, representante da entidade FEMOCOHAB, pelo segemtno Usuário - Entidades Gerais, falou um pouco da metodologia adotada. “A forma que a eleição foi conduzida trouxe um ritmo muito bom para os participantes e isso fez com que transcorresse da forma mais natural possível”, avalia. “A comissão está de parabéns”, finaliza.
Segmento Usuário - Entidades por RPA
          Na assembleia do segmento Usuário por RPA, o mais acirrado, os(as) representantes acompanharam, voto a voto, para saber quais entidades seriam eleitas. O delegado Antônio Gomes, representante da entidade Urso Brilhante do Coque da RPA 2, falou como foi participar do processo eleitoral. “Foi uma experiência bem diferente do que estou acostumado. Sempre participei dos processos do Conselho Distrital, mas participar da eleição do Municipal foi importante para ganhar mais conhecimento”, disse. “Outro ponto importante foi o modelo da cédula de votação que foi utilizada. Ela permitia que a gente votasse em outras entidades, permitindo uma maior articulação e dando uma maior possibilidade para as entidades se elegessem”, finaliza.
Segmento Trabalhador
        O delegado Magdiel Matias, representante do SATEN/PE, pelo segmento Trabalhador, falou um pouco do processo. “Achei a metodologia adotada muito interessante e organizada. Tivemos um momento para apresentar o trabalho das nossas entidades, onde mostramos as nossas perspectivas quanto ao Conselho e de que forma pensamos melhorar o serviço de saúde visando as Políticas da rede de forma integrativa”, disse. “Ter separado os segmentos foi um grande diferencial e isso facilitou na hora da votação, deixando o processo mais proveitoso e democrático”, finaliza.
Segmento Prestador de Serviço
      A novidade para esse Processo são os Prestadores de Serviços, privado e conveniado, e as Instituições de Pesquisa e Ensino concorrendo as vagas previstas no Regimento Eleitoral. Nesse sentido, no segmento, apenas quatro das seis entidades habilitadas compareceram as eleições, o que acarretou duas vacâncias para esse segmento. Ao final da assembleia, a Comissão Eleitoral saiu com o indicativo que as entidades faltosas fossem convocadas publicamente para decidirem qual será titular e suplente.
     Agora, o resultado será publicado em Diário Oficial no prazo de cinco dias úteis, conforme orienta o Regimento Eleitoral.

quinta-feira, 15 de março de 2018

Eleições 2018-2020: Confira a Relação Final das Entidades Habilitadas

      Após analisar os recursos apresentados pelas entidades que, num primeiro momento, foram consideradas não habilitadas no Processo Eleitoral, a Comissão Eleitoral que conduz o Processo que irá eleger o novo colegiado do CMS-Recife para o biênio 2018-2020 divulgou, nesta quinta-feira, 15, a Relação Final das Entidades Habilitadas que concorrerão as vagas para o colegiado para os próximos dois anos. 

        A Comissão Eleitoral ainda comunica que, considerando o Artigo 49, parágrafo 3º do Regimento Interno do CMS-Recife, todas as entidades inscritas e consideradas não habilitadas poderão participar da eleição desde que apresentem, até às 9h do dia 20 de Março de 2018 (dia da eleição), o protocolo de entrada do processo de regularização de qualquer um dos documentos exigidos no processo de inscrição, juntamente com uma cópia do(s) documento(s) pendente(s).

         Agora, todos/as os/as representantes das Entidades Habilitadas deverão comparecer na sede do CMS-Recife na próxima terça-feira, 20, às 9h, conforme recomenda o Regimento Eleitoral.

terça-feira, 13 de março de 2018

CISTT programa ações para o Abril Verde

        Membros da Comissão Intersetorial de Saúde do Trabalhador e Trabalhadora (CISTT) do Recife estiveram reunidos na sede do CMS-Recife para realização da sua Reunião Ordinária mensal. Na pauta, estavam assuntos como o termo de aprovação de destinação de bens do CEREST/Recife para o CVA, além das discussões para comemoração ao Abril Verde, mês que faz alusão ao dia Mundial da Saúde (07/04), onde haverá algumas atividades como ações do CEREST em memória as vítimas de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho entre os dia 23 a 27/04/18.
       Além disso, a Comissão retomou as discussões acerca da sua inclusão no Regimento Interno do CMS-Recife, onde, socializaram as devolutivas dos questionamentos quanto a sua composição, inclusão dos Conselhos Distritais na Comissão, entre outros.

sexta-feira, 9 de março de 2018

Eleições 2018-2020: Comissão faz análise dos recursos

        Na manhã desta sexta-feira, 9, a Comissão Eleitoral que acompanha o Processo de escolha do novo Colegiado do CMS-Recife para o biênio 2018-2020, esteve reunida para analisar os recursos apresentados pelas entidades que foram marcadas como não habilitadas dentro do processo eleitoral.
      Após fazer a checagem dos documentos, a Comissão elencou dúvidas acerca de alguns documentos entregues e optou por recorrer a Assessoria Jurídica da Secretaria de Saúde do Recife (Sesau) solicitando esclarecimentos a fim de tomar a decisão mais correta e baseada nos trâmites legais. 
     Nesse sentido, a Comissão marcou um novo encontro para a manhã da próxima segunda-feira, 12, onde convocou representantes do jurídico da Sesau para sanar os questionamentos e, assim, poder divulgar a listagem final das entidades habilitadas no Processo Eleitoral.

GT do RAG continua as discussões das ações realizadas pela Sesau em 2017

        Em seu segundo encontro. o Grupo de Trabalho (GT), que analisa o Relatório Anual de Gestão (RAG) 2017, esteve reunido na última quarta-feira, 07, para dar continuidade ao debate das ações realizadas pela Secretaria de Saúde (Sesau) no ano passado.
     Tendo como enfoque as ações de Atenção Básica, o grupo viu as metas de Tuberculose, Hanseníase, Saúde da Criança, da Mulher, do Homem, da Pessoa Privada de Liberdade, da Deficiência, da População LGBT e de Doenças Crônicas.
         O GT marcou um novo encontro para a tarde do dia 20 de março para continuar as discussões e receber as devolutivas de alguns questionamentos acerca das políticas supracitadas.

quarta-feira, 7 de março de 2018

Comitê de Mortalidade Materna do Recife retoma discussões internas

      Membros do Comitê de Mortalidade Materna do Recife estiveram reunidas, nesta quarta-feira, 7, para dar continuidade as suas atividades. Nesse sentido, o comitê fez o resgate das discussões do seu Regimento Interno, onde, entre outros pontos, reestruturam a composição de seus integrantes.
      Além disso, saiu como proposta uma reunião onde a Vigilância do Recife será convidada para fazer uma apresentação de todos os dados referente a Mortalidade Materna em 2017. A referida reunião está marcada para acontecer no dia 28 de Maio, dia alusivo ao Combate a Mortalidade Materna.

segunda-feira, 5 de março de 2018

Executiva solicita encontro com o secretário de Saúde do Recife


        Na tarde desta segunda-feira (05) a Comissão Executiva do Conselho Municipal de Saúde (CMS) do Recife se reuniu para entregar devolutivas e discutir repasses de demandas do Conselho. A reunião teve como ponto de pauta a presença de Membros Comissão da PIC's onde seus representantes participaram para contribuir com as discussões para melhoria das Práticas Integrativas Complementares.

         Ainda na reunião, foi socializada a data da reunião que a Comissão de Fiscalização terá com o secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia, para debaterem sobre demandas pendentes e repasses a serem realizados. A referida reunião está marcada para o dia 27 de março.

sexta-feira, 2 de março de 2018

CMS-Recife marca presença no acolhimento aos novos Residentes em Saúde

        A vice-coordenadora do CMS-Recife, Keila Tavares, participou da solenidade de Acolhimento aos Residentes do Programa de Residência em Saúde 2018 da Secretaria Municipal de Saúde do Recife. Em poucas palavras, Keila exemplificou a importância da participação do Conselho no programa. “É um motivo de felicidade para o Controle Social está estreitando esses laços com o Programa, pois isso só enaltece as ações do Conselho ao ser reconhecido como campo de prática de saúde, de conhecimento e de produção científica”, disse Keila, se referindo que o CMS-Recife também receber alguns desses residentes para conhecer como é a atuação do Conselho em Recife.
         Ao todo foram 93 novos estudantes que participarão de nove programas de residência em saúde na rede municipal. Na ocasião, o secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia, fez uma apresentação com o tema: “Papel das residências em saúde na transformação do SUS”. A solenidade aconteceu no auditório do Banco Central , em Santo Amaro.

quinta-feira, 1 de março de 2018

Eleições 2018-2020: Comissão divulga lista de entidades habilitadas e não habilitadas


              A Comissão Eleitoral que acompanha o Processo de escolha do novo colegiado do CMS-Recife para o biênio 2018-2020 divulgou, nesta quinta-feira, 01 de Março, a listagem das entidades que cumpriram todos os termos contidos no Regimento Eleitoral para concorreram a uma vaga no colegiado para os próximos dois anos.
              A referida listagem foi um resultado de uma análise minuciosa feita pelos membros da comissão que, entre outros pontos, checaram toda documentação entregue pelas entidades ao CMS-Recife. Mais de 60 entidades expressaram sua vontade em participar do Processo Eleitoral do Conselho.
               Confira a listagem das Entidades Habilitadas:



            


          A Comissão Eleitoral também divulgou o nome das entidades que, por algum motivo, não entregaram a documentação solicitada, conforme orienta o Regimento Eleitoral.
         Agora, as entidades que foram classificadas como não habilitadas têm os dias 02, 05 e 07 de Março para entrar em contato com o CMS-Recife e regularizar a sua documentação. Só assim, estarão aptas a concorrer as eleições no dia 20 de março.
         Confira a listagem das Entidades Não Habilitadas: