segunda-feira, 30 de abril de 2018

CMS-Recife empossa novos conselheiros

Colegiado CMS-Recife 2018-2020
       Aconteceu, na tarde da última quinta-feira, 26, a cerimônia de posse do novo colegiado do Conselho Municipal de Saúde (CMS) do Recife para o biênio 2018-2020. Realizada na sede do Conselho, a solenidade marca o início de um novo ciclo para o Controle Social em Recife e contou com a participação de conselheiros(as), visitantes e convidados.

      Despedindo-se da coordenação do CMS-Recife, a coordenadora, Janaína Brandão, aproveitou a oportunidade para falar sobre as conquistas do colegiado 2016-2018 e deixou uma mensagem para os novos conselheiros. "Fomos um colegiado que trabalhou pela integração e fortalecimento do Controle Social, utilizando este espaço como um espaço de diálogo, pactuação e de mudanças nas Políticas de Saúde. Além disso, tivemos o prazer de criar dois Conselhos Distritais e 51 Conselhos de Unidade", ressalta. "[Aos novos conselheiros] Quero pedir que se dediquem com muito comprometimento, pois sem vocês nada funciona e que continuem o trabalho de fortalecer a rede de conselhos no Recife", finaliza.
O secretário de Saúde, Jailson Correia, também presente na cerimônia, falou do quão gratificante é acompanhar o processo de renovação do Conselho. "Ver que esta casa está lotada numa cerimônia da posse é um marco para a renovação da esperança", falou.
Ausente na solenidade por motivos de força maior, a vice-coordenadora do CMS, Keila Tavares, enviou seus sinceros agradecimentos. "Expresso meu sentimento de gratidão, honra e felicidade em poder, junto com vocês, ter trabalhado em prol dos munícipes de Recife, defendendo os interesses da sociedade e efetivando os princípios norteadores do SUS, da universalidade, equidade e integridade", despediu-se.
Também participaram da mesa, os conselheiros Municipal de Saúde, José Ribeiro e Oscar Correia, representando os segmentos Trabalhador e Usuário, respectivamente; a conselheira Nacional de Saúde, Priscila Viegas; e o Conselheiro Estadual de Saúde de Pernambuco, Luiz Sebastião.
Leonilde Cunha assina livro de posse representando todo o segmento Usuário
Fábia Cristina assina o livro de posse representando o segmento Trabalhador
Ana Karla Góes assina o livro de posse representando o segmento Gestor/Prestador
        No ato, as conselheiras recém-empossadas Leonilde Cunha, Fábia Cristina e Ana Karla Góes, representado os segmentos Usuário, Trabalhador e Gestor/Prestador, respectivamente, assinaram o livro de posse. Ainda dentro da programação, o CMS-Recife convidou as conselheiras Kamila Matos, Lucelena Cândido e Vasti Soares para receberem uma placa comemorativa, homenageando todo o colegiado 2016-2018 pelos serviços prestados nos anos de atuação.
A conselheira Vasti Soares recebe placa comemorativa das mãos da coordenadora do CMS, Janaína Brandão
A conselheira Lucelena Cândido recebe placa comemorativa das mãos do secretário de Saúde, Jailson Correia
A conselheira Kamila Matos recebe placa comemorativa das mãos da conselheira Nacional, Priscila Viegas
         A posse aconteceu dentro da pauta da 319ª Reunião Ordinária do CMS-Recife.

CS Prof. Ivo Rabello elege seus representantes


        Usuários(as) do Centro de Saúde Professor Sebastião Ivo Rabelo, no Distrito Sanitário VIII, escolheram seus representantes que irão compor o Conselho de Saúde daquela unidade pelos próximos dois anos. A eleição aconteceu no dia 25 de abril e contou a participação expressiva de quase 940 votantes que deixaram seu voto de confiança nos 08 candidatos(as) eleitos(as).
     Sendo um processo calmo e transparente, somente o segmento Usuário foi preciso eleição. O segmento Trabalho decidiu a titularidade e suplência entre eles. Já os representantes pelo segmento Gestor serão indicados no ato da posse, marcada para o dia 11 de maio, no salão da própria unidade.

Conselheiros(as) da Maternidade Arnaldo Marques são empossados(as)

       No último dia 18 de abril, o Conselho Distrital de Saúde (CDS) do Distrito Sanitário VIII, em parceria com o Conselho Municipal de Saúde (CMS) do Recife, empossou os novos(as) conselheiros(as) da Maternidade e Policlínica Arnaldo Marques, no mesmo Distrito. A solenidade aconteceu no dia 18 de abril e contou com representações dos usuários, trabalhadores e gestores, além dos familiares dos conselheiros(as) eleitos(as).
      Após uma expressiva participação de mais 1.060 eleitores, a posse do novo colegiado representa o resgate do Conselho de Unidade da Arnaldo Marques, como conta a conselheira Municipal, Sebastiana Maria. “A reativação do conselho na Arnaldo Marques é em decorrência da luta e conquista através dos usuários do Ibura, Jordão e Cohab, tendo em vista as necessidades que a unidade apresenta”, ressalta.
      Agora, os(as) novos(as) conselheiros(as) têm a importante função de acompanhar as demandas da Maternidade e Policlínica e lutar pelo fortalecimento do Controle Social e por melhorias na unidade, sempre priorizando as intervenções através do diálogo e consenso.

terça-feira, 17 de abril de 2018

Policlínica/Maternidade Arnaldo Marques forma Conselho de Unidade


     Nos dias 03 e 04 de abril, usuários(as) da Policlínica e Maternidade Arnaldo Marques, no Distrito Sanitário VIII, tiveram a chance de escolher seus representantes para compor o Conselho de Saúde daquela unidade. Tendo uma expressiva participação de 1.075 votantes, sendo 1.066 votos válidos, a composição deste conselho marca retorno desse espaço de Controle Social dentro da Unidade o que acarreta numa contribuição e fortalecimento da política de saúde dentro da unidade.
     “A reativação do conselho na Arnaldo Marques é em decorrência da luta e conquista através dos usuários do Ibura, Jordão e Cohab, tendo em vista as necessidades que a unidade apresenta”, ressalta a conselheira Municipal e membro da Comissão Eleitoral, Sebastiana Maria.
     Sendo um processo calmo e transparente, somente o segmento Usuário foi preciso eleição. O segmento Trabalho decidiu a titularidade e suplência entre eles. Já os representantes pelo segmento Gestor serão indicados no ato da posse.

quarta-feira, 11 de abril de 2018

CMS-Recife marca presença na 21a Plenária Nacional de Conselhos de Saúde

Conselheiros(as) do CMS-Recife junto com Conselheiros(as) do Conselho Estadual de Saúde de Pernambuco
na 21a Plenária Nacional de Conselhos de Saúde em Brasília/DF
       Nos dias 4 e 5 de abril, os conselheiros José Ribeiro e Cristiano Nascimento, juntamente com a conselheira Marluce Batista, representaram o Conselho Municipal de Saúde (CMS) do Recife na 21ª Plenária Nacional de Conselhos de Saúde, Entidades e Movimentos Sociais e Populares, evento promovido pelo Conselho Nacional de Saúde (CNS) e realizado em Brasília/DF. Contando com cerca de mil pessoas de todo o Brasil, o evento serviu para debater sobre os rumos do Sistema Único de Saúde (SUS) e dialogar sobre a 16ª Conferência Nacional de Saúde, prevista para acontecer em julho de 2019.
O conselheiro Cristiano Nascimento deixou a sua
contribuição nos debates da 21a Plenária Nacional
   O conselheiro Cristiano Nascimento participou de uma mesa temática onde abordaram temas relacionados as eleições presidenciais e a defesa do SUS. Nesse sentido, Cristiano fez contribuições ao debate. “Nas discussões, vimos que foi consenso que os candidatos à presidência que não tenham nenhum histórico em defesa do SUS não poderiam nos representar”, disse. “Fiz algumas propostas para o Conselho Nacional de Saúde para que eles convoquem os presidenciáveis para fazer um debate e elaborar um documento em que se comprometam com esses três pontos: mobilizar a força política para revogar a EC 95; rediscutir o atual pacto federativo; e se comprometer em auditar a dívida pública do país”, finaliza.
     Cristiano também falou da discussão sobre a rede de Conselhos de Saúde. “Outro ponto falado durante a plenária foi que os conselhos de saúde precisam passar por uma reestruturação tendo uma maior integração entre os conselhos de todas as esferas (municipal, estadual e nacional)”, disse. Existe a proposta de criar um aplicativo que promete dar celeridade as demandas e efetivar essa integração entre os espaços de Controle Social.
      Também presente no evento, o conselheiro José Ribeiro falou da mobilização dos participantes na entrega de um abaixo-assinado em apoio à Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 5.658. “Entregamos mais de 70 mil assinaturas ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra a Emenda Constitucional (EC) 96/2016 que congela os investimentos na saúde pelos próximos 20 anos”, disse o conselheiro. A entrega do abaixo-assinado foi feita na manhã do dia 5 de abril.

quinta-feira, 5 de abril de 2018

CMS-Recife participará de Ato Público em defesa do SUS

       O Conselho Municipal de Saúde (CMS) do Recife participará da mobilização em defesa de um SUS público, universal, gratuito e de qualidade. Promovido pelo Conselho Estadual de Saúde de Pernambuco (CES-PE), o ato público acontece nesta sexta-feira, 6, tendo a sua concentração na sede do CES/PE, às 15h, com destino à Praça do Derby, área central do Recife. O Ato público é um momento de luta e de celebração ao Dia Mundial da Saúde, comemorado em 7 de abril, e representa uma ação Nacional da Semana da Saúde 2018.
      A Semana da Saúde 2018 é uma ação do Conselho Nacional de Saúde (CNS), promovida entre os dias 2 a 8 de abril, com o objetivo de valorizar o Sistema Único de Saúde (SUS) e fortalecer a luta contra os retrocessos recentes nas políticas de saúde. 
        Neste Ato público busca-se ampliar a consciência sobre a saúde pública e fortalecer a luta contra enfraquecimento das políticas de saúde, combater todas as formas de desmonte do Sistema Único de Saúde (SUS). Por isso, a convocatória do CES/PE e do CMS-Recife vem dirigir-se à população Pernambucana para alertar a sociedade sobre as ameaças e fragilidades que essas políticas públicas vêm sofrendo. 
       Desde 2015, o País tem enfrentado várias ameaças a democracia, e o direito à saúde tem sido violado de diversas formas. Foi aprovada em 2016, pelo Congresso Nacional, a Emenda Constitucional (EC 95/2016), que congela os investimentos em saúde e educação até 2036.  Isso significa que os recursos que seriam para garantir saúde de qualidade para a população serão destinados ao pagamento dos juros e amortização da dívida pública, precarizando ainda mais os atendimentos pelos SUS que já vem sofrendo diversas ameaças, inclusive pela iniciativa privada. 
      Os órgãos de Controle Social, como o CES/PE e o CMS-Recife, representam esse movimento a favor do SUS, e traduz o resultado da luta histórica dos segmentos sociais na construção do sistema de saúde através da participação da sociedade. Por isso, diante deste cenário de desmonte e dos desafios impostos por uma conjuntura de ameaça à Democracia brasileira, a mobilização em defesa do SUS envolve profissionais e usuários(as), conselhos de saúde em todas as esferas, entidades acadêmicas e profissionais, dentre outros movimentos sociais e populares.

SERVIÇO:


ATO PÚBLICO EM DEFESA DO SUS
Dia:  06 de Abril de 2018
Local da Concentração: Conselho Estadual de Saúde de Pernambuco  (Rua João Fernandes Vieira, 518 - Boa Vista – Recife)
Destino: Praça do Derby – Recife
Horário: 15h

Para mais informações, entrar em contato com a Assessoria de Imprensa do CES/PE nos telefones:

(81) 3184.4211
(81) 9 9917.2396 (Danielle Góes - Assessora)

quarta-feira, 4 de abril de 2018

Execução Orçamentária do CMS em 2017 é apresentada em plenária

        Realizando a sua 318ª Reunião Ordinária, o colegiado do CMS-Recife se reuniu na tarde de ontem, terça-feira, 03, para debater sobre a execução orçamentária do Conselho no exercício de 2017. Sendo a segunda vez que a matéria é ponto de pauta para debate, a execução orçamentária traz todos os gastos que o Conselho de Saúde teve na realização de suas atividades rotineiras, a exemplo das ações das comissões permanentes, como também na realização da 13ª Conferência Municipal de Saúde.
        Tendo a apresentação sido feita pela conselheira e gerente de Monitoramento e Informação da Secretaria de Saúde, Kamila Matos, os/as conselheiros/as não se sentiram contemplados pelos dados apresentados e solicitaram outro momento para que a gestão entregasse, de fato, a execução dos recursos orçamentários detalhados. “Quando a Comissão de Orçamento pediu esses dados, foi pensando numa prestação de contas mais detalhada e isso não foi mostrado na apresentação”, disse a conselheira e membro da Comissão de Planejamento e Orçamento, Rosângela Albuquerque.
        A conselheira Lúcia Maria também endossou as palavras da conselheira Rosângela. “Era pra ter o detalhamento com valor unitário de cada item, mas a gestão só traz o que ela quer mostrar. Precisamos saber com que foi gasto cada valor desses que foi apresentado”, disse a conselheira.
      Como encaminhamento, Kamila se prontificou em enviar as planilhas com um olhar mais minucioso no que se refere aos gastos do Controle Social e que a matéria retornará para discussão em plenário numa reunião extraordinária ainda este mês.
       Além disso, o coordenador da Comissão Eleitoral que conduziu o Processo de escolha do novo colegiado do CMS-Recife 2018-2020, Oscar Coreia, fez a leitura da relação final das entidades eleitas. Agora, o documento deve seguir para publicação no Diário Oficial do Município.

Eleições 2018-2020: Após convocatória pública, Processo Eleitoral é finalizado


     Atendendo os encaminhamentos da Resolução 015/2018 que recomenda uma Convocatória Pública para as duas entidades do Segmento Prestador de Serviço que estiveram ausentes nas eleições do CMS-Recife no dia 20 de março, parte da Comissão Eleitoral recebeu, na manhã da última segunda-feira, 2, o representante do Hospital Maria Lucinda, que acabou ficando com a titularidade no segmento. O Hospital Evangélico de Pernambuco não compareceu ao chamado e ficará com a suplência no mesmo segmento.
     Agora, a Comissão irá publicar o resultado final das eleições no Diário Oficial do Município.